sábado, 25 de outubro de 2014

Meu refugio, meu mundinho paralelo.

Quero fugir deste mundo de loucos, quero viver uma história sem fim.
Quero carinho, quero você só pra mim.
Quero viver em um lugar que me aceitem assim, assim como sou.
Chata, Entrometida, Exigente, Esquisita e Nostálgica.

Pra que viver do passado? Viver de lembranças?
Só te digo uma coisa, não quero deixar minhas origens.
De onde vim, quem me criou e de onde nasci e vivi.
Porém este lugar não me agrada, vejo um vulto, uma escuridão, um vazio, um lugar "oco".
Vejo uma mancha no meu passado.

Vejo eu sozinha trancada em meu quarto, chorando com a incerteza de meu futuro.
Sonhos paralelos à uma vida sem graça.
Pra mim isto tudo poderia ser melhor, sem se tornar fumaça.
Mas me tapeio com coisas esquisitas que me identifico.
Que me da prazer, pois é incerto, assim como meu futuro.

Meu refugio...
Minha imaginação, caminho sem direção, ondas que levam meu pensamento na madrugada.
Meu refugio de dores, dores passadas, sonhos que guardo, memórias que recordo.
Vitórias que almejo e conquistas que espero.

SONHOS loucos são sonhados sozinho.
Meu mundinho paralelo ao infinito dos sonhos, imaginação, constelação de coisas sem noção.
Utopia? Talvez seria, mas como este é meu, ninguém pode dizer que não existe.
Pois é dele que me alimento, é ele que supre meus sonhos e vontades.
São deles que vem meus risos, minhas vontades e querer lutar pra um dia vencer.

Ok! Meu futuro é incerto.
Mas só quero tentar.
Só quero viver...
Um sonho sonhado sozinho pode ser utopia, mas sonhado em conjunto pode tornar-se real.
Ok!
Meu mundinho paralelo não existe...
Fadas, Elfos, Unicórnios, Duendes, Sereias e outros seres misticos e mitológicos, só existem na minha cabeça!
Mas deixa eu criar e reinventar um mundo no qual me deixa feliz, que me deixa viver e que não me deixa sofrer.
Lá tudo é mais bonito e colorido.
Cada um com sua cor, sem acepção de pessoas ou seres, ninguém é melhor que o outro, um depende do outro, cada um com sua função.

Caramba como o mundo seria chato se todos fossemos iguais!?
Só aceita!
Peças iguais não monta um quebra-cabeça.
Cotidiano, rotina, monotonia...
Muito pacato...
Que chato... Odeio rotina!
Tudo igual!

Ok! Já chega...
To revoltada com este mundo de hipocrisia.
Ok! Também sou hipócrita e mentirosa.
Se eu falar que não minto, já estaria mentindo, pois sou um Ser Humano cheio de defeitos.
Quem me dera ser um sonho...
Uma fada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário