quarta-feira, 3 de junho de 2015

Bullying não é legal! Meu nome é Lindo.

Olá pessoal tudo bem?
Bom... Eu gostaria de pedir desculpas pela minha ausência, porque eu estou tentando formatar meu notebook a mais de 3 dias e não estou conseguindo, pois estou tentando baixar o iso do windows 8.1 para formatar o PC pelo pen drive.
E eu só não mandei formatar o meu notebook, porque eu tenho ciúmes dele.
Alias eu tenho ciúmes de tudo que me rodeia.
Amigos, parentes, e meus objetos.
Eu passei a ter ciúmes das minhas coisas porque sempre que emprestava algo para alguém a pessoa não me devolvia ou se devolvia devolvia quebrado!
E meu notebook já ta quebrado, mas mesmo assim eu gosto dele e é minha ferramenta de trabalho.
Eu não tenho dinheiro agora para comprar outro, então ele da pra quebrar um galho.
Enfim... É isso!
Sem mais nada, vamos ao assunto do post.

Todo mundo já sabe aqui que eu sofria de bullying na escola, pelos mais variados motivos.
Não sei porque se implicavam tanto comigo.
O que me deu ideia dessa postagem, foi uma pergunta no meu ASK.

Você gosta do seu nome?
Sim eu amo meu nome que por sinal é um nome composto.
Assim como João Luiz, Pedro Henrique, Luiz Otávio, etc...

Mas ninguém nunca me chamou de Sofia Rebeca, sempre apenas: Sofia!
Se bem que eu acho meu nome lindo.
Sofia é um nome de origem Grega que significa Sabedoria.
Eu gosto muito de um livro que é O MUNDO DE SOFIA.
Provavelmente já ouviu falar ou até já leu.
Se você não leu, está perdendo seu tempo fazendo coisas improdutíveis.
Pois a leitura é uma forma maravilhosa de se obter conhecimento e sabedoria.
Esse livro é um romance que conta a história da Filosofia.
O que eu admiro muito o autor.
Pois eu me identifico com a personagem do livro.
Pois meu pai costumava me chamar de:
A garotinha dos por quês ou Espiculinha de rodinha.
Porque eu vivia fazendo perguntas.

_Pai... O que é isso?
_Para que isso serve?
_Como isso funciona?
_Por que eu existo?
_Por que estou aqui?
_Por que nasci nessa família?
_Quem eu realmente sou?
_ Para onde eu vou?

E isso eu me acho muito semelhante com a personagem.
Se tem um modo de adquirir conhecimento é fazendo perguntas.
Se a gente não conhece algo, não é porque somos BURROS ou NOOBs é porque não conhecemos ainda (conhecimento/saber/sabedoria).
Mas se eu não tiver vontade de conhecer ou saber, eu nunca irei a busca do que eu quero.
Então a pergunta ou a falta do conhecimento e a vontade de obtê-lo é o caminho correto.
Se não fazemos perguntas como iriamos descobrir as respostas?
Para que existe o GOOGLE? O dicionário? Os professores?
Simplesmente para nos orientar!

Mas mesmo assim as pessoas costumavam me criticar, me julgar, atirar pedras, debochar do que sou e de quem era a partir do meu nome.
Inconsequentes! Ingênuos e imaturos!
Logo que eu passava pelas pessoas ou os corredores da escola, no pátio ou seja lá onde fosse colocavam um "maldito toque de celular" só para me provocar ou se não eles ficavam imitando o toque, que é este aqui: Atende Sofia
Eu não vejo nada de engraçado nessa porcaria, minha vontade era processar quem criou esse maldito toque!
Então você me diz:
_Não seja sensacionalista ou radical!

Eu não vejo nada de engraçado o que é ofensivo!
E ainda usando xingamentos.
Que diz respeito a minha progenitora.
Eu acho que quem quer ser respeitado, aprenda a respeitar o seu próximo para que não venha consequências extremas no futuro.

E ainda os educadores da escola tomava parte dos alunos que me criticavam e dissuadiam.
Por isso milhares de vezes eu mudava de escola.
Porque até os professores praticavam BULLYING CONTRA MIM.
Eles davam risada do que os alunos faziam comigo.
E não era nada engraçado!

Foi por esse motivo que eu criei meu próprio pseudônimo/apelido/nome artístico.
Quando eu estudava no Joubert de Carvalho e precisava colocar um apelido para o uniforme do oitavão eu pensei em colocar o apelido de Barbie, mas como muitos iriam debochar da minha cara pois eu não era mais criança!
Até por isso evitava comprar cadernos da Barbie porque muitos debochavam de mim!
Mesmo que eu gostasse eu evitava, para que não debochasse de mim.
Foi então que eu criei meu nome: B de Barbie + ebeca que deriva se de Rebeca.
Pronto, criei meu próprio nome!
Que se tornou meu nome Artístico desde então pois no mesmo ano, 2009 fui descoberta pelo Projeto Passarela, em que fui em uma convenção em Curitiba, quando tive oportunidade de conhecer a Larissa Manoela.
Tem até um vídeo no canal do Youtube do meu irmão, eu tinha no meu antigo, mas eu deletei.

Bom gente, por enquanto é só!
Logo mais eu volto a atualizar o blog e o youtube com frequência.
Beijinhos e um cheiro no cangote de vocês.
E bye, bye...
By: Bebekinha C.

Nenhum comentário:

Postar um comentário